Cookies: Utilizamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso. Por favor, verifique nossa política de cookies.

Entendi e Fechar
Comitiva do Sistema Faes Senar-ES discute Cadastro Ambiental Rural em Brasília
Data de publicação: 06/06/2024

A Comissão Nacional de Meio Ambiente (CNMA) da Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) se reuniu neste dia 5 de junho, data em que é comemorado o Dia do Meio Ambiente, para debater assuntos relacionados ao tema. O Cadastro Ambiental Rural (CAR) foi um dos principais pontos abordados.


O CAR é um registro público eletrônico obrigatório para todos os imóveis rurais do país, com o objetivo de integrar e padronizar as informações ambientais das propriedades e posses rurais. A partir da inscrição do imóvel é feita uma base de dados para controle, monitoramento, planejamento ambiental e econômico e combate ao desmatamento.


Com o tema "Implementação do Código Florestal através da Análise do Cadastro Ambiental Rural (CAR)", a audiência pública levantou os possíveis motivos pelos quais os estados não avançam na finalização das análises dos cadastros. 


A assessora da CNMA, Cláudia Mendes, destacou a importância do assunto ser tratado e debatido. "O CAR é um instrumento que o produtor precisa para ter acesso a algumas políticas públicas. Portanto, o Sistema CNA está apoiando os estados e os sindicatos, para que eles se aproximem dos produtores rurais e consigam fazer com que o produtor avance além do Cadastro Ambiental Rural, em todas as etapas da regularização ambiental", pontua.


O CAR é usado como base para a adesão do Programa de Regularização Ambiental (PRA), que é um conjunto de ações a serem desenvolvidas por proprietários e possuidores de imóveis rurais, com o intuito de adequar e promover a regularização ambiental de suas propriedades.


No Espírito Santo, o cadastro é feito pelo Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf). O estado tem ganhado destaque quando o assunto é a análise de cadastros ambientais rurais.


O Sistema Faes / Senar-ES busca ajudar os capixabas nesse processo. “Estamos elaborando um projeto juntamente com a CNA para apoiar, pelo menos nesse primeiro momento, 80 produtores rurais. Na qual ajudaremos com todo o serviço ambiental, através do Senar Serviços. Estaremos auxiliando o produtor a adequar suas propriedades mediante os problemas que forem identificados", explica o superintendente-adjunto do Senar-ES, Fabrício Gobbo.


Também estiveram presentes no evento o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Espírito Santo (Faes), Júlio Rocha, o gerente técnico do Senar-ES, Murilo Pedroni, o presidente do Sindicato Rural de Cachoeiro de Itapemirim, Wesley Mendes, e o presidente do Sindicato Rural de Colatina, Raphael Guimarães Soares.


Fonte: Assessoria de Comunicação Faes / Senar-ES
Por Carolina Vieira

Compartilhe nas Mídias Sociais

Fale Conosco
(27) 3185-9226
Av. Nossa Senhora da Penha, 1495, Torre A, 11° andar.
Santa Lúcia, Vitória-ES
CEP: 29056-243
CNPJ: 04.297.257/0001-08