Treinamentos do Senar-ES ajudam cafeicultor a obter grão de qualidade
Desde muito jovem Rodrigo Rigo observava seu pai e avô trabalhando com a agropecuária. Formado em Administração pela UFES, trabalhou fora da propriedade durante três anos antes de seguir os passos de seu pai e ajudar na lavoura de café conilon. 

A pecuária era o carro chefe da Fazenda Saúde, com pequena área, já atingida, de café conilon implantada. Em um determinado ano, uma colheita realizada nesta lavoura antiga foi o divisor de águas para a mudança dos negócios da fazenda.

"Antes de decidir se realmente iria conseguir trabalhar com meu pai, resolvi participar de uma safra de café. Então, aqui estou eu, trabalhando o há 16 anos com o cultivo do café", relatou o produtor. 

No início, a propriedade possuía café conilon, sem sistema de beneficiamento. Juntamente com seu pai, Rodrigo viu a possibilidade de melhorar a qualidade do grão. O agricultor estudou, fez cursos do Serviço Nacional de Aprendizagem (Senar-ES) e visitou outras propriedades fora da região para aprender mais e, em 2012, iniciou o processo de beneficiamento do café por via úmida. 

Nesta jornada de aperfeiçoamento técnico para desenvolver um café de qualidade, Rodrigo se especializou com os cursos do Senar-ES de Poda e Desbrota do Café Conilon; Operação e Manutenção de Tratorres Agrícolas; Operação e Manutenção de Motosserra; Operação e Manutenção de Roçadora, Derriçadora e Podadora de Café; Eletricista e Administração de Propriedades em Regime de Economia Familiar. Já seus colaboradores fizeram o curso de Aplicação de Defensivos Agrícolas e Mulheres em Campo. 

“O conhecimento em economia e segurança durante as jornadas de trabalho também ajudou muito em nosso crescimento. Tudo que eu e meus funcionários aprendemos foi colocado em prática, que aliado a adequação tecnológica contribuiu em nossa produção de café conilon de qualidade. E com esse café especial já conseguimos boas colocações em concursos", disse Rodrigo. 

O produtor já participou de onze edições do concurso da Cooperativa Agrária dos Cafeicultores de São Gabriel, Conilon de ExcelênciaCooabriel, e suas recentes colocações foram o 1° lugar na edição de 2019 e o 2° lugar na edição de 2020, ambas na categoria Conilon Cereja Descascado.

COMERCIALIZAÇÃO DO CAFÉ

Atualmente a maior fonte de renda da Fazenda Saúde é a comercialização das sacas de café para a cooperativa da região de São Gabriel da Palha, tanto o café com valor padrão de commodities quanto o café diferenciado, que é comercializado por um preço maior. Outra fonte de renda também é a venda de grãos especiais, torrados e moídos, chamado Rigo Coffee, que são vendidos na cidade e também estão disponíveis pela internet.  Atualmente, 400g desse café pode ser encontrado a partir de R$ 20,00, o que Rodrigo vê como um belo incremento para a renda da fazenda. 

O cafeicultor conta também com uma foodbike, que é utilizada para vendas do Rigo Coffee na cidade e regiões próximas, além de ser usada em eventos.

Fonte: Revista Esta Terra 

Compartilhe nas Mídias Sociais

Fale Conosco
(27) 3185-9226
Av. Nossa Senhora da Penha, 1495, Torre A, 11° andar.
Santa Lúcia, Vitória-ES
CEP: 29056-243
CNPJ: 04.297.257/0001-08