Vacinação contra febre aftosa pode ser comprovada até segunda-feira (25)

20/06/2018

A comprovação da vacinação contra a febre aftosa entra na sua reta final. A próxima segunda-feira (25) é o último dia para os produtores rurais confirmarem nos escritórios do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) a imunização do rebanho de bois e búfalos com até dois anos de idade.



O prazo para imunização e comprovação pela internet terminou na última sexta-feira (15). Até o momento, foi registrada a vacinação de 95,4% dos quase 700 mil animais em idade vacinal.



Atualização do rebanho

Os produtores também devem informar os nascimentos e as mortes de animais ocorridos na propriedade, que ainda não foram registrados junto ao Idaf. A atualização cadastral também é obrigatória para os produtores que não tenham animais em idade vacinal.



Os proprietários que não vacinarem ou não atualizarem seu rebanho estão sujeitos a penalidades. Além disso, a propriedade fica impedida de movimentar seus bovinos e bubalinos até que a situação seja regularizada.



Em 2017

Em maio do último ano, o Espírito Santo registrou o índice de 97,22% de comprovação de vacinação contra febre aftosa na primeira etapa da campanha. O percentual corresponde à comprovação da vacinação de quase 603 mil animais em todo o Estado.



Na última semana, o Espírito Santo sediou também a 1ª reunião do bloco IV sobre o Plano Estratégico do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (Pnefa) 2017 – 2026 com o objetivo final de suspender o uso da vacina nos nove Estados que compõem o referido bloco a partir de 2021. São eles: Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Sergipe e Tocantins.



Serviço:

Comprovação da vacinação contra a febre aftosa

Data-limite: 25 de junho (segunda-feira)

Local: escritórios do Idaf

Fonte: Idaf