PREÇOS DOS ALIMENTOS EM ABRIL TÊM MENOR ALTA EM 10 ANOS

11/05/2018

Em 12 meses, alimentação em domicílio, que inclui os produtos agropecuários, têm queda de 4,68%

Os preços dos alimentos tiveram em abril a menor alta dos últimos 10 anos para o mês e contribuíram de forma expressiva para que a inflação no mês passado ficasse abaixo das expectativas do mercado, segundo a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

A entidade fez um comunicado para analisar o comportamento do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de abril, divulgado pelo IBGE. O IPCA geral foi de 0,22%, abaixo da projeção de 0,28% feita pelo mercado, enquanto os alimentos tiveram inflação de 0,09%.

Em abril, os produtos agropecuários com as maiores quedas foram a batata inglesa (-4,31%), por conta do aumento de oferta, seguido por açúcar cristal (-2,8%), em razão do aumento da produção mundial e da colheita no Brasil, frango inteiro (-2,08%), café moído (0,36%) e carnes (0,31%).

Em 12 meses, o IPCA para os alimentos registrou queda de 2,11%, puxado pelo grupo alimentação em domicílio, onde estão os produtos agropecuários, que apresenta deflação de 4,68% no período. Por outro lado, a elevação total do IPCA em 12 meses foi de 2,76%.

Com este cenário de expectativas de inflação abaixo da meta do governo para 2018, a CNA avalia que há espaço para mais um corte na taxa básica de juros da economia (Selic), que hoje está em 6,5%.

Fonte: Assessoria de Comunicação CNA/SENAR